Procurement no pós Pandemia

Procurement no pós Pandemia

A recente pandemia da COVID-19 trouxe uma grande pressão para as cadeias de suprimentos do mundo todo, paralisando unidades fabris, fechando fronteiras internacionais e interrompendo a entrega de matérias-primas e produtos acabados. No início da pandemia, os departamentos de Procurement tiveram que focar na de gestão de crise para ajudar as empresas a mitigar todos os riscos e disrupções, atuando fortemente na aquisição de itens críticos e ajudando seus fornecedores a equilibrar seus respectivos fluxos de caixa.

Entre algumas iniciativas estratégicas adotadas para a manutenção da performance e dos negócios das empresas, podemos considerar duas como de fundamental importância, não só para a atuação na crise,  mas também que serão imprescindíveis para as áreas de Procurement no Pós Pandemia – investimentos em inovação e parcerias com fornecedores e digitalização das operações.

A busca da inovação e de parcerias com seus fornecedores estratégicos podem ser consideradas alavancas importantes para a criação de vantagem competitiva para as empresas, com objetivo de reagir à desaceleração das demandas causada pela pandemia em muitas indústrias.

A necessidade de uma rápida adoção de novas formas de trabalhar exigida pela pandemia obrigou as empresas a acelerar a digitalização já planejada para o Procurement há algum tempo. Entre os adventos positivos da pandemia, temos por exemplo a adoção de plataformas de negociação com fornecedores baseadas em nuvem e a popularização de sistemas de Gestão de Contratos, entre outros.

Seja qual for o futuro das empresas e das áreas de Procurement no chamado “Novo Normal” pós pandemia, este obrigatoriamente terá a inovação, as parcerias estratégicas e as operações digitais como Fatores Críticos de Sucesso das organizações que sobreviverem ao tormento mundial e que quiserem se destacar no mercado.

 

Especialista em Compras e Suprimentos | Especialista em Logística | Consultor Sênior | + posts

Profissional com mais de 20 anos de carreira desenvolvida nas áreas de Logística, Compras e Suprimentos de empresas de portes distintos, dos quais 9 anos atuando diretamente em operações de compras e 2 anos atuando em projetos estratégicos, envolvendo o mapeamento e transição de processos de Suprimentos e Compras, elaboração e revisão de documentos normativos (Políticas, Normas e Procedimentos Operacionais), estruturas organizacionais e treinamentos de pessoas.

 

spot_imgspot_img

Receber Newsletter

Artigos Relacionados

FRAME AGREEMENT – Conceitos Fundamentais Parte 3

FRAME AGREEMENT – Conceitos Fundamentais Parte 3 Nos dois primeiros...

Podemos ir além de pedir descontos e negociar estrategicamente!

Podemos ir além de pedir descontos e negociar estrategicamente! Embora...

FRAME AGREEMENT – Conceitos Fundamentais Parte 2

Implementação do FRAME AGREEMENT – Conceitos Fundamentais Parte 2 No...

5 estratégias para Compras e Contratações para a área de Marketing!

5 estratégias para Compras e Contratações para a área...

FRAME AGREEMENT – Conceitos Fundamentais – Parte 1

FRAME AGREEMENT – Conceitos Fundamentais - Parte 1 FRAME AGREEMENT...
spot_imgspot_img
Sérgio Dutra
Sérgio Dutra
Profissional com mais de 20 anos de carreira desenvolvida nas áreas de Logística, Compras e Suprimentos de empresas de portes distintos, dos quais 9 anos atuando diretamente em operações de compras e 2 anos atuando em projetos estratégicos, envolvendo o mapeamento e transição de processos de Suprimentos e Compras, elaboração e revisão de documentos normativos (Políticas, Normas e Procedimentos Operacionais), estruturas organizacionais e treinamentos de pessoas.  

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui