Sole Sourcing ou Single Sourcing

Sole Sourcing ou Single Sourcing

Um dos dilemas do Profissional de Compras é quando se depara com uma requisição de compra onde o Serviço ou Produto só pode ser adquirido em um único fornecedor.

Mas em que circunstâncias essa forma de contratação é considerada Sole Sourcing ou Single Sourcing?

Sole Sourcing é quando apenas um fornecedor pode fornecer certa commodity, tecnologia, produto, bem e/ou executar um serviço solicitado.

Essa modalidade acontece seja por exclusividade na representação de um produto/serviço no país, expertise técnica para provisão do produto/serviço, capacidade fabril para entrega na data de necessidade, disponibilidade do produto em estoque ou da mão-de-obra pra execução de um serviço, produto/serviço patenteado, entre outros fatores.

Ou seja, Sole Sourcing é caracterizado quando apenas um fornecedor está disponível para atender aquela requisição.

A contratação por Single Soucing é determinada quando um fornecedor específico é escolhido propositalmente pela empresa, mesmo quando outros fornecedores estão disponíveis e qualificados para prover o serviço ou produto.

Essa situação ocorre quando há alguma exigência do departamento requisitante devido à confiança restrita na qualidade do produto/serviço/fornecedor, criticidade do produto/serviço restringindo a oferta, exigência do cliente final por uma marca específica, obrigatoriedade legal, parceria estratégica entre a empresa compradora e o fornecedor, etc.

Em ambos os casos é muito importante que o Profissional de Compras compreenda em quais cenários está inserida a sua requisição. Mesmo sendo restrita a contratação, isso não impede que você obtenha melhores condições de compra através de uma preparação devida antes da negociação.

Porém, é muito importante observar os seguintes cenários:

No caso de Sole Sourcing, é necessário que você colete evidências de mercado que sustentem a contratação do fornecedor sem o devido processo de concorrência pautado na Política de Compras da empresa, ou seja, cotar com pelo menos 3 fornecedores e gerar o mapa de comparação de propostas e seleção de fornecedor.

O mesmo serve para o Single Sourcing. Caberá ao Comprador ter o registro da decisão da empresa por um fornecedor em detrimento de outros devidamente capacitados.

Isso porque, em processos de auditoria interna ou externa caberá ao Profissional de Compras comprovar a lisura e a integridade do processo de contratação ou aquisição.

Fique esperto! 

Leonardo Rosa
Executivo de Supply Chain com especialização em projetos de Petróleo e Gás, projeto em MBA de Gestão de Suprimentos, Logística e Supply Chain e Mentor de Carreira para Profissionais de Compras.

ARTIGOS RELACIONADOS

spot_img

MAIS ARTIGOS

7 passos para se ter sucesso no Strategic Sourcing

7 passos para se ter sucesso no Strategic Sourcing Como você desenvolve e nutre parcerias...

Qual a diferença entre TOTAL COST OF OWNERSHIP e...

Qual a diferença entre TOTAL COST OF OWNERSHIP e COST BREAKDOWN? TOTAL COST OF OWNERSHIP...

Quer tirar ideias do papel profissional de Compras? Conheça...

Quer tirar ideias do papel profissional de Compras? Conheça os métodos de Elon Musk! Quer...

As competências essenciais do comprador estratégico – Gestão do...

As competências essenciais do comprador estratégico - Gestão do Tempo No artigo anterior, Comprador Estratégico...

COMPRAS – Uma das áreas mais estratégicas da sua...

COMPRAS – Uma das áreas mais estratégicas da sua empresa! Compras ou Suprimentos, mais conhecidos...

Procurement e Purchasing – Quais são as diferenças?

Saiba por que Procurement e Purchasing não são a mesma coisa e como suas...

MAIS ACESSADOS

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui