O Comprador Atual e as 5 forças de Porter

O Comprador Atual e as 5 forças de Porter

AS 5 FORÇAS DE PORTER

As 5 forças de Porter são um modelo estratégico criado por Michael Porter em 1979 para ajudar a entender a competitividade de uma indústria ou mercado.

O modelo é amplamente utilizado na gestão de negócios e é considerado uma das ferramentas mais importantes da análise competitiva.

As 5 forças de Porter

As cinco forças são:

Ameaça de novos entrantes

A primeira força de Porter refere-se à facilidade ou dificuldade de novas empresas entrarem em um determinado mercado.

Quanto mais fácil for para novas empresas entrarem no mercado, maior será a concorrência e menor será a rentabilidade dos negócios existentes.

Isso ocorre porque novas empresas podem oferecer preços mais baixos ou produtos mais inovadores para atrair clientes.

Poder de negociação dos fornecedores

A segunda força refere-se ao poder dos fornecedores sobre as empresas.

Se os fornecedores tiverem um poder significativo de negociação, eles poderão aumentar seus preços ou reduzir a qualidade de seus produtos ou serviços, o que pode afetar negativamente a rentabilidade das empresas que dependem deles.

Poder de negociação dos clientes

A terceira força refere-se ao poder dos clientes sobre as empresas.

Se os clientes tiverem um poder significativo de negociação, eles poderão exigir preços mais baixos, melhores serviços e maior qualidade dos produtos, o que pode afetar negativamente a rentabilidade das empresas que atendem a esse mercado.

Ameaça de produtos substitutos

A quarta força refere-se à ameaça de produtos substitutos que possam atender às mesmas necessidades ou desejos dos clientes.

Se houver muitos produtos substitutos disponíveis, os clientes podem optar por essas opções em vez dos produtos ou serviços oferecidos pelas empresas existentes, o que pode afetar negativamente sua rentabilidade.

Rivalidade entre os concorrentes

A quinta e última força refere-se à intensidade da competição entre as empresas existentes em um determinado mercado.

Se houver muitas empresas competindo pelo mesmo grupo de clientes, a rivalidade pode ser acirrada, levando a uma queda nos preços e nas margens de lucro.

Por outro lado, se houver poucas empresas competindo, a rentabilidade pode ser maior.

Em resumo, o modelo das 5 forças de Porter fornece uma estrutura para entender as forças competitivas que afetam a rentabilidade de um setor ou mercado.

Ao analisar cada uma dessas forças, as empresas podem desenvolver estratégias que lhes permitam se posicionar de forma competitiva e obter uma vantagem sobre seus concorrentes.

O COMPRADOR ATUAL E AS 5 FORÇAS DE PORTER

Os compradores podem utilizar as 5 forças de Porter a seu favor, de diversas maneiras.

Aqui estão algumas sugestões de como fazer isso:

Ameaça de novos entrantes

Os compradores podem utilizar a ameaça de novos entrantes para negociar melhores preços e condições com seus fornecedores atuais.

Se o comprador pode mostrar que existem muitas empresas competindo pelos mesmos produtos ou serviços, os fornecedores podem ser mais propensos a oferecer preços mais baixos ou melhores condições para manter o negócio.

Poder de negociação dos fornecedores

Os compradores podem utilizar a análise do poder de negociação dos fornecedores para identificar os fornecedores que têm mais poder em relação a eles e tentar reduzir essa dependência.

Por exemplo, o comprador pode buscar novos fornecedores ou tentar diversificar suas compras, a fim de reduzir sua dependência de um fornecedor específico.

Poder de negociação dos clientes

Os compradores podem utilizar a análise do poder de negociação dos clientes para entender melhor as necessidades e desejos de seus clientes e, assim, melhorar suas negociações com os fornecedores.

Se os clientes têm um poder significativo de negociação, o comprador pode usar esse poder para conseguir melhores preços ou condições com os fornecedores.

Ameaça de produtos substitutos

Os compradores podem utilizar a ameaça de produtos substitutos para obter melhores preços e condições dos fornecedores atuais.

Se existem muitos produtos substitutos disponíveis, os fornecedores podem ser mais propensos a oferecer melhores preços ou condições para manter o negócio.

Rivalidade entre os concorrentes

Os compradores podem utilizar a análise da rivalidade entre os concorrentes para identificar as empresas que têm mais dificuldade em manter-se competitivas e, assim, negociar melhores preços e condições com seus fornecedores.

Se a rivalidade entre as empresas é acirrada, os fornecedores podem ser mais propensos a oferecer melhores preços ou condições para manter o negócio.

Os compradores podem utilizar as 5 forças de Porter como uma ferramenta estratégica para melhorar suas negociações com os fornecedores e obter melhores preços e condições.

Ao compreender as forças competitivas que afetam seu setor ou mercado, os compradores podem se posicionar de forma mais inteligente e competitiva, a fim de obter vantagens em suas negociações.

Website | + posts
Carlos Vasques
Diretor de Projetos em Procurement Transformation & Supply Chain | Procurement Garage | + posts
spot_imgspot_img

Receber Newsletter

Artigos Relacionados

Entrevista com Ramon Farias

Entrevista com Ramon Farias O Blog na Garage entrevistou o...

Recursos Humanos e a Evolução do ESG

Recursos Humanos e a Evolução do ESG Você já se...

Não economize em sua carreira

Não economize em sua carreira Profissional de compras, o ano...

A Importância Vital de um CPO para o Sucesso em Procurement

A Importância Vital de um CPO para o Sucesso...
spot_imgspot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui